Wiki The Witcher
Advertisement

As erínias são uma subespécie de harpia.

The Witcher 2: Assassins of Kings

Elas aparecem maiores que as harpias e protegidas por uma vestimenta. Elas podem ser distinguidas de outras harpias devido aos "braceletes de cristal".

The Witcher 3: Wild Hunt

Entrada no Bestiário

Um comerciante uma vez me disse que eu parecia com uma erínia. É óbvio que eu o teletransportei imediatamente para um dos seus ninhos, para que ele pudesse ver de perto como essa comparação não era adequada.
― Lytta Neyd, feiticeira também conhecida como Coral

Por mais difícil de imaginar que possa ser, as erínias encontradas em Skellige são ainda mais repulsivas e perigosas do que as harpias, suas parentes próximas. Embora a sua comida preferida seja carniça bem podre, elas não esnobam carne fresca, inclusive carne de homem fresca.

Quando avistam uma vítima em potencial, as erínias, como as harpias e as shishigas, tentam usar a vantagem da sua quantidade e a sua habilidade de controlar o céu. Elas circulam ao redor das suas presas e atacam de várias direções ao mesmo tempo com garras afiadíssimas, estraçalhando os seus alvos.

Ao atacar, elas miram no pescoço, olhos e outros órgãos vitais. Isso costuma fazer com que as suas vítimas sangrem até a morte. Dessa forma, uma pequena revoada de erínias é capaz de acabar com vítimas em maior quantidade e mais armadas, que não costumam conseguir se defender de vários oponentes atacando ao mesmo tempo.
Advertisement