FANDOM


Ervyll, rei de Verden, um dos menores Reinos do Norte, foi casado com Elisa e com ela, povavelmente, teve Kristrin, príncipe e futuro rei de Verden. O Jaruga é um divisa natura entre Verden e Cintra. As três fortalezas: Nastrog, Rozrog e Bodrog são controladas por Ervyll e nenhuma técnica moderna foi capaz de tomá-las.Durante os eventos do conto A Espada do Destino é revelado que a rainha de Cintra, Calanthe, pretendia casar Ciri com Kristrin, mas a leoazinha fugiu de Verden para não ter que casar e acabou perdida em Brokilon. O ocorrido desesperou Ervyll quem temia um ataque do exército de Cintra convocado por Calanthe. Dando fim ao tratado de aliança. Sua fama de pedófilo era conhecida por muitos. Sendo assim, ele enviou seu voivoda Freixenet, atrás de Ciri para tentar resolver a questão.

Rei Ervyll também era conhecido por ser racista e ele odiava as dríades. Principalmente Eithné, ao ponto de oferecer uma boa recompensa a um caçador de escalpos. Quando o Freixenet não voltou, ele convocou soldados da decúria de Nastrog para se vingar. O que resultou num falso ataque a mercadores na intenção de culpar as dríadas de Brokilon. Mas quando a armação foi revelada, ela não foi bem vista pelo druida Myszowor quem era altamente respeitado em Cintra.

Durante a Segunda Guerra do Norte, Ervyll traiu o Norte e prestou um juramento de vassalagem ao imperador Emhyr, cedendo e abrindo os portões das fortalezas na boca do Jaruga. Seu filho Kristrin se opôs a sua decisão e começou uma guerrilha chegando ao poder após Ervyll ser assassinado.
Os detalhes importantes da trama terminam aqui.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.