FANDOM


Eskel é um bruxo calmo e amigo de juventude de Geralt. Eles cresceram juntos em Kaer Morhen e também passaram pelos treinamentos juntos. Ele é considerado igualmente hábil e experiente quanto Geralt.

Eskel é tão parecido com o Lobo Branco que poderia ser tomado por seu irmão. Apenas a cor dos cabelos e a longa cicatriz que deformava seu rosto o diferenciava. E assim como todos os outros bruxos, Eskel passava o inverno em Kaer Morhen.

Livros de Andrzej Sapkowski

No conto O Último Desejo, Geralt lembra de uma tarde que passou com Eskel quando eles eram jovens. No romance O Sangue dos Elfos, Triss nota que Eskel emana mais poderes do que Geralt.

O bruxo também está presente como convidado no conto não canônico, Algo Termina, Algo Começa, como convidado do casamento de Geralt e Yennefer. Na estória, ele e Triss começam um relacionamento.

The Witcher (PC)

Se você ficar nos arredores de Kaer Morhen depois de ter curado Triss com a poção, você pode receber um tutorial Luta com os Punhos de Eskel, bem como algumas informações valiosas sobre o combate em geral. Caso contrário, seu papel no jogo, é muito pequeno. Ele não aparece em nenhum outro capítulo além do prólogo (como acontece com todos os outros bruxos no jogo, exceto Berengar).

Missões associadas:

  • Defendendo Kaer Morhen (se encontra junto com os outros bruxos).
  • Luta com os punhos

Entrada do Diário:

Em "The Price of Neutrality":

"O bruxo calmo e razoável é meu parceiro. Somos semelhantes em muitos aspectos e as pessoas muitas vezes pensam que somos irmãos". - Descrição feita por Geralt.

The Witcher 3: Wild Hunt

Entrada no Diário:

Eskel e Geralt eram como dois irmãos, em diversos pontos. Eles eram da mesma idade e se conheciam desde que eram garotos, quando treinavam com espadas de madeira em Kaer Morhen. Eles passaram por muito juntos: a primeira rodada de seleções, as transformações assassinas, o Teste das Ervas e o Desafio – a árdua corrida de obstáculos dos bruxos. Eles também levaram surras juntos mais de uma vez por atos infantis de delinquência. Quando se tornaram adultos, seguiram pelo Caminho separadamente, mas ainda reunindo-se em Kaer Morhen quase todo inverno, esperando o frio passar, bebendo aos seus sucessos e comemorando os companheiros falecidos.

Embora Eskel não tivesse o renome de Geralt, ele era tão experiente quanto o Lobo Branco e cumpria os seus contratos com cuidado e eficiência. Ele quase morrera várias vezes durante as suas caçadas, no entanto, como que por uma ironia cruel, a horrível cicatriz no seu rosto não viera das garras de um monstro, mas da espada de Deidre Ademeyn, o seu "Filho Inesperado" nada previsível.

Galeria

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.