FANDOM


Goidemar, rei da Teméria, era filho do rei Gardic e da rainha Vulpia. Sua primeira esposa foi Riannon da Redânia, filha biológica de Lara Dorren e Cregennan de Lod, com quem teve dois filhos: Fiona e Amavet. Quando viúvo voltou a casar e a prometida foi Adda de Cidaris e desse segundo casamento nasceu Cedric, futuro rei da Teméria.

Livros de Andrzej Sapkowski

Após três anos de casamento com Riannon, a famosa rebelião de Falka teve início. Sua esposa, grávida na época, foi capturada e aprisionada pelos rebeldes no castelo de Houtborg. Goidemar, ordenou um bem-sucedido assalto ao castelo de Houtborg, libertando a esposa com mais três crianças: duas meninas, que já andavam, e um menino, que começava a andar. Enraivecido, ele ordenou que todos os prisioneiros fossem torturados até saber o que de fato ocorreu.

Aprisionada no castelo, onde deu à luz a gêmeos, Riannon enlouquecera. Falka também dera à luz na mesma época. Após ter sido curada de sua loucura, Riannon de nada mais se lembrava. Ela não sabia quais das três crianças eram os seus gêmeos e qual era a filha de Falka.

Goidemar, com o fim de descobrir quais eram seus filhos, convocou feiticeiros experientes para examinar as três crianças. Assim que o rei descobrisse quem era o filho bastardo de Falka, mandaria executá-lo. Os feiticeiros convocados eram, inicialmente, Tissaia de Vries, Augusta Wagner, Letícia Charbonneau e Hen Gedymdeith. Posteriormente, Francesca Findabair se juntaria ao grupo.

Foi nessa ocasião que os magos constataram que Riannon era portadora do gene responsável pelo Sangue Antigo, também encontrado em duas das três crianças - Amavet e Fiona. Descobriu-se também que a filha bastarda de Falka era Adela, mas tal fato foi mantido em segredo pelos feiticeiros para livrar a jovem da fúria do rei. Com o passar dos anos as crianças foram crescendo e Goidemar viu-se apegado às três, tendo perdido o interesse em saber qual ou quais eram de quem, pois acolhera todas como suas.

Dinastia Temeriana[1]

Quando seu filho Amavet foi brutalmente assassinado pelo conde Roger Kameny, rei Goidemar ficou tão enfurecido que usou de pressão sobre os juízes e o veredicto foi drasticamente grave. Pela primeira vez, em mais de cem anos, um aristocrata foi condenado a um castigo cruel: Roger Kameny e todos os seus capangas foram torturados e desmembrados por cavalos. Este incidente agitou seriamente a nobreza temeriana - mesmo aqueles que condenaram o conde por assassinato, levantando gritos por tal tratamento a alguém intitulado nobre. Iniciou-se uma tentativa de rebelião, que Goidemar violentamente reprimiu com a ajuda de uma intervenção estrangeira - o exército do rei Liam de Cidaris. O preço da ajuda foi mais tarde paga de forma dinástica - o viúvo Goidemar casou-se com Adda, a filha de Liam.

Goidemar rei morreu em Maribor, com a idade de 78. Seu corpo repousa na cripta dos reis temerianos em Vizima. É neste cripta - curiosamente - que o bruxo Geralt lutou com a Estrige no conto "O Bruxo".

Notas & Referências

  1. Informações retirada do antigo site de Andrzej Sapkowski: Dinastia Temeriana.


Monarcas Temerianos
historical Temerian coat of arms historical Temerian coat of arms for successors

previous Temerian coat of arms current Temerian coat of arms

DezmodGeddesGardicGoidemarCedricGriffinBienvenu La LouveMedellFoltest
Rainhas e Consortes
VinifridaVulpia de BruggeRiannonAdda de CidarisBerengaria ThyssenClarissa de ToussaintRagbard de EllanderHugo de RiviaSancia de Sodden
Outros membros da família real
Maria PulcheriaLeticia CharbonneauAmavetFionaAdda de TemériaAdda, a Branca
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.