FANDOM


Krysy
Big Quote Left
Eram filhos dos tempos do desprezo, e era só desprezo que sentiam pelos outros. Não se apoiavam apenas na força bruta, mas também na destreza no manejo de armas, a qual haviam adquirido rapidamente pelas estradas, na força de vontade, nos cavalos velozes e nas espadas afiadas.
E no companheirismo. Eram camaradas, confrades. Porque todo aquele que fica sozinho morre.
Big Quote Right
Tempo do Desprezo

Os Ratos eram uma gangue (ou "hansa") de criminosos de Nilfgaard liderada por Giselher conhecida por roubar dos ricos e dar aos necessitados. Graças a esta prática, eles se tornaram amados pelos cidadãos pobres e lavradores nilfgaardianos.

A gangue também se tornou um ícone de moda para os jovens ricos, em particular na cidade de Thurn. Todos os membros eram atraídos por joias e bijuterias, adoravam extravagância e usar roupas coloridas, e só montavam em belos cavalos. De suas espadas não se separavam nem para dançar. Além disso, se destacavam também pela arrogância, empáfia, autoconfiança, postura provocadora e violenta.

Os Ratos também eram odiados por agentes da lei e diversos prêmios eram oferecidos por suas cabeças. Mas poucos se arriscavam numa caçada por temerem a morte certa.

Membros

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.